Seja Bem-Vindo!

ESPÉCIE ANIMAL É NOVO SUSPEITO DE TRANSMITIR CORONA VÍRUS


Após analisarem um surto de coronavírus que aconteceu em quatro fazendas de Brabante do Norte, nos Países Baixos, cientistas perceberam que os visons poderiam ser responsáveis pela transmissão do novo coronavírus para seres humanos.
Se confirmado, esse seria o primeiro caso de transmissão direta de um animal para um ser humano. Segundo os cientistas, é possível que isso tenha acontecido porque a sequência do genoma do vírus encontrado em ambos os seres é bastante semelhante. O Ministério da Agricultura alertou, porém, que o perigo de contágio generalizado na região é inexistente, visto que o vírus não foi detectado no ar das redondezas.

Wim van der Poel, pesquisador chefe da área de Vírus Emergentes e Zoonoses, disse para o El País que as possibilidades da transmissão de animal para humano acontecer novamente são baixas: “Para estar completamente seguros, precisaríamos fazer o mesmo, sequenciar o código genético do vírus, com amostras extraídas de todas as pessoas que trabalham e têm relação com a fazenda e tiveram a doença. Mas acho que há poucas possibilidades de encontrar outro parecido com esse. Em outros casos, o contágio mais provável foi da pessoa, já com sintomas, ao vison”, comentou Van der Poel.

Ainda segundo a reportagem, a Federação de Criadores de Animais à Peleteria está analisando opções além do sacrífico destes animais. Nos Países Baixos, existem mais de 800 mil fêmeas férteis em 140 fazendas, o que faz com que a população esteja preocupada com o risco do aumento do número de infectados.

exame